Meninas

Quando a alma gêmea aparece depois dos 60 anos

Garota viúva 47036

Capítulo I — Os dados da Biologia. Capítulo II - O ponto de vista Psicanalítico. Neste ponto, a autora retoma a pergunta realizada no final do primeiro capítulo: Por que a mulher é o Outro? Sendo assim. Capítulo III — O ponto de vista do materialismo histórico. É impossível, vê-se por esse exemplo, encarar a mulher unicamente como força produtora; ela é para o homem uma parceira sexual, uma reprodutora, um objeto erótico, um Outro através do qual ele se busca a si próprio. Tal perspectiva é apresentada e discutida nas partes posteriores do livro. Parte II: História. Nas civilizações mais primitivas, cuja história ainda possui controvérsias antropológicas, a mulher desempenhava papel estreitamente relacionado à maternidade.

RELACIONADOS

Assim, à luz da moral existencialista, da luta pela liberdade individual, Simone de Beauvoir, em O Segundo Sexo, aqui em 4. Les faits et les mythes II. A convidada O Segundo Sexo: 1. Fatos e Mitos 2. Sob o Signo da História, 2 v.

Leave a Reply

Your email address will not be published.