Namorar

Brasileiras enganadas por egípcios na internet são vítimas de abusos

Redes sociais 49926

Conforme você olha a linha do tempo do Facebook, você vê: seu amigo atualizou a foto de perfil. Mas ao invés de uma foto só do seu amigo, é uma foto de casal. Somos pesquisadoras de psicologia interessadas em entender o comportamento das pessoas em relacionamentos e nas redes sociais. Escolher fotos de perfil que incluam parceiros românticos, postar seu status de relacionamento e mencionar parceiros nas suas atualizações podem ser sinais de como as pessoas se sentem nas suas relações — e podem mandar uma mensagem importante para potenciais rivais. A forma como uma pessoa salienta seu status romântico também pode mudar de acordo com como ela se sente em um determinado momento. Pessoas em relacionamentos muitas vezes incluem seus parceiros no seu autoconceito. Elas veem seus parceiros como elas mesmas. Usar o Facebook, o Twitter e outras redes sociais expõe as pessoas a uma variedade de potenciais ameaças aos seus relacionamentos, incluindo ex-parceiros, parceiros alternativos com quem eles poderiam começar um relacionamento, e rivais românticos que poderiam tentar roubar seus namorados atuais. Fora das redes sociais, as pesquisas demonstram que pessoas comprometidas exercem uma série de comportamentos para proteger seus relacionamentos de ameaças colocadas por parceiros alternativos e rivais.

Quem faz isso?

Com o tempo, fui percebendo que muitas dessas mensagens eram de brasileiras enganadas por egípcios na internet. Toda vez que eu lia uma frase das histórias que elas me contavam, eu sentia um frio na barriga e ponderava muito antes de dar qualquer resposta. Em todas as vezes, tentava manter a neutralidade, respondendo diretamente ao que me perguntavam, sem fazer qualquer julgamento de valores. Eu queria saber se encontrava algo a respeito de mulheres que se envolviam virtualmente com egípcios. Em entrevista ao jornal El País , a paulistana de 29 anos contou que foi humilhada e passou fome. Em outros casos, a mulher vai para o Egito e acaba sofrendo com as fraudes aplicadas pelo marido.

Quem são essas mulheres?

Depois trocaram mensagens triviais no aplicativo, ele pediu o seu telefone pra história continuar via WhatsApp. Logo depois do papo, recebeu uma série de recados de homens - alguns mandando fotos deles pelados - pedindo pra trabalhar programa. Após investigar, concluiu que o fotógrafo havia criado um perfil frio no Tinder com as suas informações, dizendo que ela era acompanhante de luxo. Realmente, esse cara fica em cima. Me mandou tantas mensagens que eu resolvi conhecê-lo. Disse que idade fotógrafo e que poderia fazer umas fotos minhas. Eu sou garota de programa e uso o Tinder pra trabalhar.

Notícias relacionadas

É uma conversa telefônica difícil de ouvir. Roy Twiggs mostra as trocas de email com uma pessoa que se passava por uma mulher americana chamado Donna. Roy pensava que eles estavam apaixonados e que iriam se esposar. Fui mandando 3 mil libras, 4 mil libras.

Leave a Reply

Your email address will not be published.